Exemplos de Vida reflete a beleza e a singeleza da alma feminina racionalista cristã, nos ensinamentos das nobres mulheres Maria Thomazia, Maria Cottas e Maria de Oliveira. Encontrei nestes espíritos exemplos que dizem muito a todas as mulheres ávidas por esclarecimento. Como mãe e eterna estudante desta doutrina, ao ler e transcrever cada letra de suas páginas, senti que cresci um pouco mais, e deixá-las em meu arquivo pessoal seria demais injusta para com todas, assim, publico seus exemplos e um pouco de suas biografias para quem desejar sentir a vibração e a ternura do amor existente em cada palavra. Maria de Fátima Almeida

TRIBUTO A MARIA COTTAS

Mulher que ao mundo Terra chegaste e soubeste ser filha devotada, preocupada com os próprios pais, e, em tornares-te a ti própria uma mulher com “M” maiúsculo.
A criança que em ti se desenvolveu, soube tornar-se na moça forte no querer e nas acções, mas nunca deixando a sua sensibilidade feminina para trás.
Rico manancial de sabedoria, soubeste deixar aos filhos e a nós outros, exemplos de valor e coragem a serem por todos seguidos.

Irradiando pensamentos de valor e coragem, acompanhaste teu extremoso pai na implantação da doutrina Racionalista Cristã e teu amado marido na sua consolidação.
Amaste e soubeste ser amada tendo por lema a verdade, a virtude, a nobreza de caráter, a honestidade, o comedimento de atitudes, entre outros grandes e necessários atributos.
Com teus vastos escritos nos deixaste um grande legado de sabedoria, de exemplos de valor, válidos em todas as épocas.
Ousemos ler-te e procurar compreender-te para te prestarmos nosso tributo na continuação de tua obra.
Tenhamos sempre em mente tuas sábias lições. Honremos nossas profissões, sem contudo esquecermos que acima de tudo somos mulheres.
Todas nós temos o grandioso dever de saber ser filhas, esposas, amantes e especialmente mães, pois essa é nossa mais nobre missão.
As crianças que dermos ao mundo terão a responsabilidade de o modificar para melhor, mais justo, e, onde reine a paz entre os homens.
Sejamos então tuas fiéis seguidoras, dedicando-te, através de nossas atitudes, nossa eterna gratidão, nosso mais “sublime amor”.
.
Tributo a Maria Cottas por Aida Almeida Lopes da Luz